TERRA INCÓGNITA

Como o intangível chega a um estado crítico e emerge no campo da realidade, materializando-se em objeto construído na cidade? Ao investigar o assunto, depara-se com a disrupção mais atual deste conceito: a Tecnologia da Informação. A vídeo instalação sugere que a arquitetura e a cidade, assim como toda coisa construída, inicia-se no impalpável mas potencial campo da ideia, seja em uma elaboração de informação binária ou mental. Ao narrar contos de uma Curitiba inexistente - sem qualquer referência visual da paisagem construída - uma cidade diferente surgirá na mente de cada espectador. Trata-se da interface aqui proposta: a construção mental de uma cidade que é formada, em última análise, pela interpretação multifacetada de seus habitantes. É, portanto, uma cidade desconhecida, pois reside apenas na subjetividade de cada um, insondável pelo outro

 

_How does the intangible reach a critical state and emerge in the field of reality, materializing in an object built in the city? When investigating the subject, he is faced with the most current disruption of this concept: Information Technology. The video installation suggests that architecture and the city, as well as everything built, begins in the impalpable but potential field of the idea, whether in the elaboration of binary or mental information. When narrating tales of a non-existent Curitiba - without any visual reference of the built landscape - a different city will appear in the mind of each spectator. This is the interface proposed here: the mental construction of a city that is ultimately formed by the multifaceted interpretation of its inhabitants. It is, therefore, an unknown city, as it resides only in the subjectivity of each one, unfathomable by the other.

 
Equipe Alessandro Yamada, Alexander Brito, Eduardo Schlemm, Henrique Steffens, Juliana Shi, Maria Clara Schafaschek, Susanna Brolhani, Yuri Vasconcelos. // Vídeos Direção: A. Yamada //  Atrizes convidadas: Daniela Agapito e Luciana Longui // Diretor fotografia: André Santos // Montagem: A. Yamada // Edição de som: Amadeus de Marchi Assunção // Desing gráfico: Susanna Brolhani. // Apoio EasyFilmes, Volant Cine, Fan Filmes, Nalepa Olaria.
 
39 minutos / 7 curtas
 
2017 . curitiba . paraná. br

2016 YVA ARQUITETURA