CASA THE WHO

O branco abre espaço para livre apropriação das cores ao longo dos dias, do ano, do entorno. A colunata exterior abre espaço para o interior livre de elementos estruturais, como um exoesqueleto. O terreno em acentuado aclive possibilita um vão intermediário para as crianças brincarem ou plantas crescerem à sombra. O balanço parece ser exagero, mas esconde vigas e contrapeso na fundação que possibilita uma simples e elegante solução estrutural. 

 

Equipe Yuri Vasconcelos, Lucas Bochnie, Alexandre Lima
Ilustrações por @wearemobius : Hein Froese, Erik Hiroshi
295 m2
2021 . campo magro . paraná . br