CASA do CACHORRO que PENSA SER um SURICATO

Em meio a Mata Atlântica, esta casa responde ao desejo de uma imersão de contato constante com a floresta circundante. No térreo, a continuidade entre os ambientes sociais se prolonga para fora em um generoso terraço. A linguagem de um bloco em tijolos aparentes repousado sobre o térreo transparente resulta da necessidade em criar sombreamento para a casa e maior privacidade no pavimento superior. O curioso nome surgiu devido à presença de um cão no terreno que, quando parado, se posiciona como um suricato, observando atento à movimentação no local.

Equipe Yuri Vasconcelos, Lucas Bochnie, Danilo Akio, Alexandre Lima
Ilustrações Danilo Akio
190 m2
2019 . morretes . paraná . br